O chef Virgílio Martinez, leia-se Central de Lima, eleito o melhor da América Latina, acaba de abrir sua nova casa, a mais de 4 mil metros acima do nível do mar, na região de Cusco.

Vale Sagrado, Peru – Novo projeto do chef Virgílio Martínez, leia-se o premiadíssimo Central (Lima), abriu em fevereiro deste ano em pleno Valle Sagrado dos Incas. Com uma vista incrível dos Andes Peruanos, ao lado das ruínas de Moray, MIL Centro é um projeto que convida a degustar as altas altitudes, nas variadas espécies encontradas no país como um laboratório agrônomo. 

Queijo local tostado do MIL Centro (Foto: Daniela Filomeno)

O menu oferece uma experiência pela gastronomia da alta altitude dos Andes, Cusco e Valle Sagrado. Todos seus ingredientes são de comunidades ou produção própria, em uma volta do chef às suas origens.

Confira: Onde comer em Lima, no Peru

Mater Iniciativa e Mil Centro em Moray

Conseguir uma reserva no Central, em Lima, é uma tarefa um tanto difícil, já que são apenas 20 disputados lugares. Então, aproveite a novidade enquanto – ainda – não entra no radar da gastronomia mundial.

Uma degustação de tubérculos locais (Foto: Daniela Filomeno)

Dentro do local, funciona o Mater Iniciativa, que estuda amostras botânicas. Em parceria com sua irmã, a médica Malena Martínez, plantas medicinais e aromáticas são catalogadas. Ele tem ao seu quinta o sítio arqueológico de Moray, laboratório agrônomo incas, famosos pelos terraços circulares.

Sítio arqueológico Moray, antigo laboratório agrônomo dos Incas

O objetivo é integrar e ter vínculo com a comunidade e valorização dos ingredientes locais, tanto que o que não é produzido aqui, vem de menos de 50km. Para os não conhecedores da agricultura local, muitos ingredientes diferentes como chichipa, rocoto, uchucuta entres outros.

Confira também: por que o Peru é o destino da vez?

Os deliciosos choclos, uma espécie de milho local (Foto: Daniela Filomeno)

O menu degustação custa US$ 145, cheio de sabores e ingredientes que – provavelmente – nunca terá visto, como carne de Alpaca com quinua negra, cushuro (alga esférica) e sacha tomate (lembra o tomate cereja).

Cacau produzido localmente (Foto: Daniela Filomeno)

Confira os locais imperdíveis no seu roteiro pelo Peru:

Peru: roteiro do que visitar, além de Machu Picchu

Posts relacionados