No topo do hotel Le Bristol, em Paris, com uma incrível vista para a Torre Eiffel, é inaugurada a primeira suíte dedicada a uma das estrelas do cinema que escolheram o hotel como residência parisiense.

Paris, França – Ao entrar, logo na sala de estar, um retrato da atriz e ativista feita pelo fotógrafo George Hoyningen-Huene, que remete à capa do álbum “The Best of Josephine Baker”, de 1934. Todo o cenário remete os hóspedes a estonteante atmosfera de um apartamento parisiense em tons de creme, azul celeste, branco, bege e rosa antigo. Um belíssimo objetivo chama a atenção: a caixa de joias revestida de seda, cashmere e elementos preciosos.  Nas paredes, fotografias da artista no Le Bristol Paris durante a celebração do aniversário de 50 anos.

Ao fundo, imagem de Josephine Baker. (Créditos: divulgação)

Com emoção, o filho de Josephine Baker, se diz orgulhoso pela homenagem à sua mãe: “Como visitante frequente do Le Bristol Paris, eu adoro sua atmosfera parisiense e cosmopolita, refinada e generosa. Esse lugar me toca porque sempre traz lembranças de minha mãe”, diz Brian Bouillon Baker.

Vista lateral da suíte. Destaque para a composição de cores. (Créditos: divulgação)

Tem um dia de folga em Paris? Confira esse roteiro no bairro de Le Marais

Retrospectiva:

Embarcamos ao ano de 1975. Em uma noite de abril, uma página fora do comum está prestes a ser escrita no Le Bristol Paris. Josephine Baker, a cantora eletrizante dos anos 1920, a encarnação da sensualidade exótica, está mais radiante do que nunca. Como frequentadora do Le Bristol Paris, Miss Baker convidou 250 convidados para o hotel a fim de celebrar a abertura do musical de seus 50 anos de carreira no Bobino Theatre. E é assim que Alain Delon, Princesa Grace, Jean-Claude Brialy, Sophia Loren, Mick Jagger e Tino Rossi passam pelas portas giratórias do Le Bristol para homenagear a grande Josephine no grande salão do Palácio.

Confira também: os hotspots gastronômicos de Paris! 

Novos spots para comer bem em Paris, por Manuela Horn

Posts relacionados