Hoje, 13 de setembro, é comemorado o Dia Nacional da Cachaça e como bons patriotas, listamos aqui cinco endereços em São Paulo ideais para apreciar bons drinques feito com o destilado. Confira nossa seleção abaixo e saúde!

Bar Original
Os tradicionais chopes saem de minuto a minuto, mas é um ótimo lugar para apreciar a bela caipirinha brasileira. Entre as opções estão a “Rainha”, feita com lichia, uva isabel e maracujá; a “Chique”, com abacaxi e kinkan e a “La Playa”, que leva caju, limão e tangerina.
Rua Graúna, 137 – Moema 

A seleção de caipirinhas do Bar Original (Foto: Tadeu Brunelli)

Rota do Acarajé
A tradicional casa atualizou sua carta há pouco tempo. Agora, a Rota do Acarajé conta com 1.116 rótulos de cachaça e é para ninguém botar defeito. Dentre as opções de drinques, estão os diversos sabores de caipirinhas. Maracujá e pimenta rosa é um deles e a união dos ingredientes traz alegria ao paladar. Para quem prefere algo mais sutil, tem a de frutas vermelhas – clássicas entre os restaurantes da cidade.
Rua Martim Francisco, 529/533 – Santa Cecília

Veja também: lugares para tomar uma boa cachaça e petiscar

Lambe Lambe
O restaurante de comida brasileira traz também boas opções de drinques. Alguns deles são feitos com cachaça e merece a atenção do cliente. Exemplo disso é o “Bombeirinho”, que leva o destilado misturado com xarope de romã, limão e beterraba desidratada. Tem também o “Caju Amigo”, feito com a fruta e castanha de caju.
Rua Aracaju, 239 – Higienópolis

O drinque Bombeirinho é a boa pedida do Lambe Lambe (Foto: Ricardo D’Angelo)

Sotero
O restaurante de comida baiana, localizado na região central, oferece boas caipirinhas com sabores clássicos brasileiros. Uma das boas pedidas é a “Amaralina”, que mistura manga, limão  siciliano, e gengibre. Já a “Itapuã” leva kiwi, melancia, gengibre e mel.
Rua Barão de Tatuí, 282 – Santa Cecília

Mandasour do Jiquitaia é criação da bartender Nina Bastos (Foto: Rubens Kato)

Bar do Jiquitaia
O bar é comandado por Nina Bastos e segue a mesma premissa do restaurante: a de cultivar ingredientes brasileiros em sua carta. O Mandasour leva cachaça, mel de mandaçaia, chá mate e limão. Há quem prefira os clássicos e também pode optar pela caipirinha que combina limão taiti e caju. Para acompanhar, a sugestão é a clássica porção de torremos que a casa oferece.
Rua Antônio Carlos, 268 – Bela Vista 

 

 

 

Posts relacionados