Temporada de show do Carlyle Café, em Nova Iorque, foi aberta ontem por Woody Allen e The Eddy Davis New Orleans Jazz Band, com casa cheia e em êxtase

De olhos fechados, empunhado de seu clarinete e perna esquerda batendo ao ritmo do jazz, Woody Allen parece estar em um mundo só seu. Ou no pequeno mundo em que engloba a sua banda de jazz. De fala baixa, interage apenas com seus companheiros de palco, quando debate a próxima música ou algum tom da nota. Entre um instrumento e outro, espera sua vez de olhos fechados e cabeça baixa, se apoiando em seu clarinete. É uma concentração misturada com introspecção que muda quando é sua vez de tocar. Ainda de olhos fechados, leva a plateia ao delírio e mostra que o talentoso diretor também conquista o público com sua música. E vai se descontraindo ao longo do show.

Woody-Allen-Jazz-NY

Regularmente nas noites de segunda-feira, Woody Allen, tornou o Café Carlyle famoso para quem também não é fã assíduo do estilo musical. Junto com a banda Eddy Davis New Orleans, lota seus pouco mais de 90 lugares, que custam em média 165 dólares por pessoa. A casa mantém sua tradição dos anos 30, com murais originais criados pelo artista francês Marcel Vertes, diretor de arte premiado com o Oscar por Moulin Rouge (1952).

The-Carlyle-NY

Originalmente inaugurado em 1955, Café Carlyle carrega com orgulho em seu currículo 36 anos de apresentação do lendário Bobby Short. Reconhecida como uma das melhores casas de jazz de NY, ficou mais em evidências pelas apresentações de Woody Allen e banda. Na temporada de 2015, nomes como Buster Poindexter (aka David Johansen), Alexa Ray Joel, John Pizzarelli & Jessica Molaskey e Steve Tyrell.

 

Serviço

Café Carlyle

Endereço: Ground Floor do Rosewood Hotel

35 East 76th St., New York, NY 10021

Tel: +1 212 744 1600

Posts relacionados