Programar uma viagem para Barcelona é traçar um roteiro gastronômico e ter que tomar decisões difíceis: o que não deixar de fora?

 

Se tem um lugar que me faz sair do eixo só de pensar nas múltiplas possibilidades de gastronomia, é Barcelona. As opções são para todos os gostos e bolsos. São inúmeras as opções de estrelados espalhados pela cidade, restaurantes de seguidores e adeptos da culinária ortomolecular do master chef Ferran Adriá, do extinto El Bulli.

 

Captura de Tela 2015-01-03 às 11.24.43
Adriá, em parceria com o irmão Albert, abriu na cidade cinco endereços com reservas disputadíssimas, como o Tickets Bar, que integra o mais badalado circuito gastronômico da cidade.

Entre as muitas opções, os tradicionais “botecos” de tapas (pequenas porções para dividir) de Barceloneta, o antigo porto, ou mesmo diversos pontos para comer os bocaditos (sanduíches) ou petiscos, é garantia que você terá uma ótima experiência. Entre eles, o Vaso de Oro (experimente a cerveja artesanal), Jai-ca (prove os chipirones, mini lulas fritas incríveis) e La Bombeta (e sua bomba, um croquete gigante).

Com uma hora de estrada chega-se na cidade de Girona, que abriga um dos melhores restaurantes do mundo (ficou muito tempo no topo), o El Celler de Can Roca (matéria da nossa visita aqui).

Captura de Tela 2015-01-03 às 11.24.52
Mesmo com esta gama de boas opções, separei dicas dos lugares que mais gosto, e que acho imperdíveis, e que estão na minha lista para mais uma maratona gastronômica. Por que mal saí de Barcelona e já estou doida para voltar. É de dar água na boca só de escrever….


Restaurantes imperdíveis:

Estrelados Michelin:

  • Môo, sob o olhar dos Rocas, do El Celler de Can Roca, dentro do hotel Omm
  • Alkimia, às quartas-feira tem o menu degustação especial a um preço acessível, vale muito
  • Dos Cielos, pilotados pelos chefe irmãos Torres
  • Comerç24, do chef Carlos Abellan
  • Tickets Bar, dos irmãos Ferran e Albert Adriá. Reservar com muita antecedência.
  • El Celer de Can Roca (tem post), segundo melhor restaurante do mundo, em Girona, 1h de Barcelona. É incrível.

Tradicionais:

Tapas:

O que não pode deixar de comer:

  • Pão com tomate e jamon (presunto cru) – simples assim mesmo, é uma das preciosidades da comida local. Obrigatório entre as pedidas de tapas
  • Sépia – uma espécie de lula, mais gordinha, servida “a la plancha” (grelhada)
  • Chiprones – mini lula de arrastão, feita a dorê, bem crocante
  • Cerveja local – além da Estrella, várias casas produzem sua própria cerveja, vale experimentar
  • Alcachofras – marinadas inteiras no azeite e grelhadas
  • Bombeta/croquetas – bombeta é um croquete gigante, já as croquetas são os nosso croquetes, de jamon e outras delícias

 

Posts relacionados