Já se perguntou onde os chefs mais badalados do mundo comem quando não estão comandando seus restaurantes? Na nossa coluna “Onde os chefs comem” eles abrem o jogo e contam quais seus locais prediletos. O convidado dessa semana é Henrique Schoendorf

Chef Henrique Schoendorf (Foto: divulgação)

Formado como tecnólogo em gastronomia, pela Universidade Anhembi Morumbi, Henrique Schoendorfer é um jovem talento da culinária paulistana. O chef já passou por grandes casas, como: Gero, Forneria San Paolo, Girarrosto, entre outros. Atualmente, Henrique está à frente da cozinha do Ristorantino, famoso restaurante italiano em São Paulo. Na coluna de hoje, Schoendorfer conta quais são seus restaurantes favoritos na capital paulista, confira!

Sushiguen

Foi nos anos 70 que Mitsuaki Shimizu fundou o restaurante japonês fora do bairro da Liberdade, algo que era raro na época. A casa segue a culinária japonesa à risca, é muito tradicional, daqueles sushis que você abre uma portinha e já da de cara com um balcão. O chef relata que gosta do local pelos sushis clássicos e sem frescuras, dica do Henrique: não há tirashi melhor que o do Sushiguen.

Rua Manoel da Nóbrega, 76- Paraíso

Banzeiro

Uma das novas paixões de Schoendorfer é o restaurante Banzeiro, ele conta que na primeira visita se apaixonou pela casa. O restaurante, de comida amazônica, já tem uma unidade em Manaus, e recentemente abriu uma casa em São Paulo. O lugar conta com pratos fartos e saborosos, na maioria, voltado para os peixes. “Eu, que vivo na cozinha italiana, consigo ter muita inspiração para outros horizontes frequentando o Banzeiro”conta Henrique. 

Rua Tabapuã, 830 – Itaim Bibi

Z Deli 

Z Deli é uma badalada lanchonete da capital, que serve sanduíches elaborados, com acompanhamentos deliciosos em um ambiente descolado. Para Schoendorf, quando o assunto é hambúrguer ou sanduíches, lá é o lugar certo para ir. “Fica próximo ao Ristorantino, então costumo passar meus intervalos, entre almoço e jantar, lá!”comenta Schoendorf. Dica do chef: os hambúrgueres e o sanduíche de língua são incríveis. 
Rua Francisco Leitão, 16 – Pinheiros

Barú Marisqueria

A casa, especializada em frutos do mar, procura misturar receitas de várias partes da América Latina em seus pratos. A cozinha é comandada pelo chef Dagoberto Torres, com o que há de mais fresco no dia. O menu é reduzido, porém recheado de grelhados e petiscos para compartilhar. O restaurante fica em uma pequena vila, escondida no meio da Rua Augusta, que dá a impressão de não estar em São Paulo. “Atualmente é meu restaurante favorito. Quando vou, passo horas por lá!”acrescenta Henrique.

Rua Augusta, 2542- Cerqueira César

Marisco lambe-lambe, no Barú Marisquería (Foto: Rogerio Voltan)

Bráz Elettrica

Uma das pizzarias mais famosas de São Paulo. A casa conta com um menu de pizzas individuais com sabores diferenciados. Para o chef, não existe domingo sem pizza da Bráz Elettrica, segundo ele é um local com atendimento rápido e fácil de pedir. “Gosto de lá, pois se faz tudo sozinho! O cliente pega a bebida, pede a pizza, depois senta em uma mesa compartilhada e come. Ao terminar, joga seu lixo fora e vai embora. Além disso, as pizzas são muito boas!”explica o chef. 
Rua dos Pinheiros, 220 – Pinheiros (contam com outras unidades)
 
Veja também:
Onde os chefs comem? Com Mohamad Hindi, em São Paulo
Onde os chefs comem? Com Tássia Magalhães, em São Paulo
Booking.com

Posts relacionados