Popularmente conhecida como bomba de chocolate, a éclair resgata suas tradições francesas e ganha novos recheios em casa especializada no Campo Belo, em São Paulo

O nome éclair é de origem francesa e significa relâmpago. Já no Brasil, foi batizada de bomba pelo fato de “estourar” na primeira mordida. É impossível resistir ao seu recheio cremoso, combinada de uma massa delicada, com cobertura. A chef pâtissière Laura Borzani vivenciou o fetiche pelas bombas durante seus estudos na Le Cordon Bleu, em Paris, e voltou a São Paulo disposta a reproduzir essa paixão. Assim nasceu a doceria Bombas de Chocolate.

bomba-de-chocolate-brooklin

Na discreta e charmosa boutique-atelier, a confeiteira prepara uma massa levíssima, como manda a tradição, mas ousa em seu design: em vez de um formato alongado, suas bombas são arredondadas, mais fáceis de comer –  garante a chef, e podem ser preenchidas com 15 tipos de recheio.

Entre os sabores merecem destaque a homônima feita de chocolate Callebaut, baunilha (com favas francesas), caramelo com flor de sal e  tiramissú (R$ 8,50 cada).

bomba-de-pistache

Programa gostoso é passar pelo local no final da tarde para tomar um café e se deliciar com uma verdadeira bomba.

*Fotos divulgação

Serviço:

BOMBAS DE CHOCOLATE

Rua Pascal, 667 – Campo Belo

Tel: (11) 3798-9821 

Posts relacionados