Ainda é outono, mas as estações de esqui mais famosas do Chile já estão tingidas de branco e prontas para receber turistas, sobretudo os brasileiros, que lotam o destino durante o inverno. Confira as quatro estações de esqui mais famosas no país andino

Roteiro descolado por Santiago, capital do Chile 

Valle Nevado Ski Resort 

Queridinha dos brasileiros, o Valle Nevado é uma das estações mais badaladas do Chile. Não à toa, o complexo andino é reconhecido como a maior estação de esqui do hemisfério sul. São mais de 40 pistas de esqui e snowboard para diferentes níveis de esquiadores. Para os mais inexperientes, a Escola de Neve do Valle Nevado está apta a receber e ensinar crianças, adultos e portadores de necessidades especiais. Já para os mais aventureiros, o resort conta ainda com o The Gap Snowpark, uma área especialmente desenvolvida para a realização de manobras sob a prancha de snow e o serviço de Heliski, que permite o acesso a lugares ainda inexplorados- neve ainda virgem – com o auxílio de helicóptero.

Portillo-Chile
Portillo, no Chile (Foto: Pamela Carvalho) 

Portillo

Cravada no meio dos Andes, a apenas 3 quilômetros de distância da fronteira com a Argentina e às margens da Laguna del Inca, Portillo é o mais tradicional centro de esqui do Chile, tendo sido construído no final dos anos 40 pelo governo chileno para difundir o esporte na América do Sul. Nas pistas do complexo é muito comum encontrar esquiadores de ponta treinando para campeonatos mundiais e Jogos Olímpicos. Confira matéria completa sobre Portillo aqui.

Termas de Chillán

Nos pés do Vulcão Chillán e a 1.650 metros acima do nível do mar, Termas de Chillán oferece um incrível atrativo para os apaixonados por esqui. Além dos 35 quilômetros de áreas esquiáveis, o complexo conta ainda com a maior pista de esqui da América do Sul, que tem 13 quilômetros. O toque especial do resort são suas famosas águas termais, um jeito excelente de relaxar rodeado pela beleza dos Andes chilenos após um longo dia de esqui ou snowboard. O destino, inclusive, é o único resort de neve chileno aberto durante os 12 meses do ano.

Confira também:
As estonteantes paisagens da Patagônia Chilena
A charmosa Ilha de Chiloé, no Chile

Valle Corralco 

Também aos pés de um vulcão, o Lonquimay, e a 870 quilômetros de Santiago, a estação é quase que uma novidade para os turistas brasileiros. Inaugurada há pouco mais de uma década, só ganhou o devido destaque em 2013, com a construção e operação do hotel Valle Corralco Hotel & SPA, localizado próximo às pistas de esqui. O complexo, aliás, se destaca por receber a neve primeiro, em meados de maio e se despedir dela por último, em outubro. Além disso, o local abriga a maior pista para iniciantes do país, com cerca de 1,2 km. Fora isso, são 29 pistas e 6 lifts. Sua base está a 1.480 metros do nível do mar e o seu ponto mais alto alcança os 2.300.

 

* Matéria escrita pela Interpoint, operadora de turismo fundada em 1985 e, hoje, referência no mercado de viagens para pessoas apaixonadas por esqui.

Posts relacionados