O Atacama está a 1.600km ao norte de Santiago, capital do Chile, na fronteira com a Bolívia. Logo ao chegar perceberá que chegou em um lugar quase mágico, com paisagens de tirar o fôlego e, como todo deserto, com um calor insano de dia, um frio que chega a doer de noite e um pó que gruda na pele

O que levar para o Atacama (Foto: acervo pessoal)
Dani Filomeno no Atacama (Foto: acervo pessoal)

Abaixo os itens que não podem faltar na mala para ninguém passar “perrengue” e ainda aproveitar as inúmeras possibilidades de expedições, que vão desde uma caminhada tranquila pelo Salar do Atacama até escalar vulcões, andar por dunas de areia e mergulhar em termas de água quente. 

Claro que é fundamental verificar qual a previsão do tempo, pois dependendo da época do ano o frio por lá é pesado. Mas independente da estação, os passeios variam muito de altitude, por exemplo, se for visitar as Lagunas Altiplânicas que estão a mais de 4 mil metros, mesmo no verão, o frio é fortíssimo podendo chegar a temperaturas negativas. Então, se prepare para se vestir em camadas, com blusa leve por baixo, térmica por cima, casacos e ir “tirando as camadas” ao decorrer das atividades. 

O que levar para o Atacama

– Boné ou chapéu

– Camisetas de manga curta e longa

– Fleece ou polar

– Casaco impermeável

– Gorro, luva e cachecol

– Segunda pele – blusa e calça

– Calça de trekking

– Meias 3⁄4 para trekkings

– Roupa de banho

– Bota ou tênis de trekking impermeável e leve 

– Tênis leve para caminhadas

– Chinelo 

– Bandana ou lenço

– Mochila leve para os passeios 

– Óculos de sol

– Protetor solar para rosto e corpo

-Protetor labial 

– Hidratante potente 

– Colírio 

– Capa de chuva

 

Posts relacionados