Quem corre não para nem nas férias. Siga o roteiro de Jordana Gheler, brasileira que mora na ilha há anos (junto com o marido e local de Saint Barthélemy Apollon Delamotte) e edita o Conexão Destinos – portal que reúne dicas de hotspots de lugares paradisíacos como St. Barth, Anguilla e Punta Mita

St. Barth: boa opção para os amantes de corrida (Foto: divulgação)

1) Baixe no Spotify as músicas do restaurante e bar Le Ti St. Barth para correr ao estilo da ilha;

2) Antes de começar a treinar, pare em qualquer mercado e compre o Tom’s Juice de gengibre, um suco fresco de limão, gengibre e mel. Perfeito para a pré-corrida;

3) A praia Grand Fond, no litoral Sul, é ideal para uma corrida matinal. Entregue-se a esta costa selvagem, com brisa boa e paisagem deslumbrante;

4) No fim do dia, vá ao estádio de St. Jean, point dos esportistas da ilha, apelidado de estádio do Roman Abramovich, já que foi o russo quem patrocinou a obra;

5) Nos dias de intervalo entre uma corrida e outra, faça uma caminhada até a piscina natural de Petit Cul de Sac, na ponta Leste da ilha, e se prepare para ver uma paisagem inesquecível.

Veja também: 

Onde comer em St. Barth, pelo chef Jean-Georges Vongerichten

Posts relacionados