É o segundo hotel da marca na Colômbia e o primeiro na capital. Conta com 372 acomodações e traz uma estadia de luxo e completa aos hóspedes. Confira os detalhes 

A fachada do novo Grand Hyatt, em Bogotá (Foto: Tadeu Brunelli)

A marca Hyatt iniciou, há um mês, suas operações em Bogotá. O Grand Hyatt é o 42º hotel da rede no mundo, o 2º na Colômbia e o 1º na capital e já se tornou um sucesso. O empreendimento é luxuoso e está localizado no distrito comercial Ciudad Empresarial Sarmiento Ângulo, bem próximo ao Grand Estación Mall – um dos shoppings mais modernos da capital colombiana. E, de carro, em poucos minutos é possível chegar ao Aeroporto Internacional El Dorado e também da Praça Bolívar – o principal ponto histórico e turístico de Bogotá.

Confira um roteiro para aproveitar poucos dias em Bogotá

A cidade foi presenteada com um hotel de serviço ímpar, que visa a cultura latina em sua decoração e oferece aos hóspedes e convidados uma experiência única – com boa gastronomia e tratamentos de spa, além de lazer completo. O impacto vem logo no início. O moderno lobby traz pé direito alto, com um lustre que impressiona (alguns dias foram precisos para a instalação) e outros detalhes em vidro, com móveis coloridos e flores.

O Grand Hyatt Bogotá traz design vibrante e contemporâneo e, no total, conta com 372 quartos, sendo 50 suítes. Essas foram presenteadas com janelas enormes, do teto ao chão, para que o hóspede possa ter uma visão privilegiada da Cordilheira dos Andes e também aproveite a luz natural (mas, não se preocupe, a claridade perde força com as cortinas blackout instaladas nas acomodações). O banheiro é todo revestido em mármore branco para trazer a sensação de limpeza absoluta ao ambiente, com duas cubas de pia, chuveiro e sanitário separados. A vantagem de se hospedar em uma das 50 suítes é ter acesso ao exclusivo Grand Club Lounge – um espaço dedicado aos serviços de concierge personalizados, onde também é possível aproveitar algumas opções gastronômicas menos elaboradas, além de bebidas alcoólicas, como cervejas e vinhos.

King Room, quarto em que ficamos hospedados, com vista para a Cordilheira dos Andes (Foto: Tadeu Brunelli)
O polvo faz parte da seleção de sushis e sashimis, no Ushin (Foto: Carol Fiacadori Lima)

Falando em gastronomia, o Grand Hyatt de Bogotá oferece duas opções de restaurantes: Ushin e Capitalino. O Ushin Japanese & Grill é comandado por um brasileiro, Rodolfo Yusa, e está localizado no 14º andar e já reúne grande público. Traz uma culinária japonesa moderna e resgata alguns típicos pratos colombianos, como as papas criollas (uma espécie de batata bolinha amassada) e oferece diversas receitas em brasa, ou seja, onde leva o carvão em seu preparo – carvão esse que é vindo diretamente do Japão, tornando-se o único restaurante da Colômbia a utilizá-lo em sua cozinha. O bar traz criações autorais de Camila Perez, mixóloga responsável pela carta de drinques e também oferece sucos com frutas nativas, que chegam à mesa em uma cremosidade ideal e com canudos sustentáveis. Além disso, o Ushin reserva uma vista panorâmica de Bogotá, com uma paisagem bem bonita durante o dia e também à noite. 

O café da manhã é servido no restaurante Capitalino (Foto: Carol Fiacadori Lima)

O Restaurante Capitalino, no térreo do hotel, recebe os hóspedes para o café da manhã, que funciona em sistema buffet, e oferece refeições no almoço e no jantar. Sua culinária é inspirada em sabores internacionais, mesclados com as tradições colombianas. O cardápio foi pensado para o compartilhamento dos pratos, pois o chef executivo Federico Ferrari deseja receber diversas famílias e grandes grupos de amigos. O Capitalino tem uma extensa carta de vinhos, com 250 rótulos em sua adega, que está logo na entrada do restaurante. Fora esses dois estabelecimentos, o Grand Hyatt de Bogotá também conta com o Ilustre Bar, ideal para tomar alguns drinques criativos, também assinados por Camila, e compartilhar alguns aperitivos. Há também o Mercado Aldeana, dedicado ao café colombiano, mas que conta com um sistema grab and go, onde é possível comprar croissant, pain au chocolat e outras delícias de uma linha viennoiserie.

Conheça Cartagena das Índias, na Colômbia

Um dos pontos altos do hotel é o Zaitania Spa, um dos maiores spas urbanos da América Latina, com 3.020 m². Reúne 11 salas de tratamento, algumas individuais e outras para casais, e busca excelência no serviço com profissionais experientes e massoterapeutas qualificados e utiliza produtos nativos da Colômbia em seus métodos. Há três tipos de massagem e você pode optar por qualquer uma delas. Antes de começar o relaxamento, você diz à massagista responsável qual o seu enfoque e quais pontos do seu corpo merecem atenção. As suas escolhas e respostas são repassadas ao responsável pela sua massagem, que a finaliza em um banho com especiarias. Além de todo esse acompanhamento especial, o Zaitania também reserva três piscinas de hidroterapia, sauna seca ou a vapor, piscina coberta e climatizada a 28 graus, salão de beleza e uma academia de ginástica.  

O hotel ainda reúne um amplo espaço para eventos de pequeno, médio ou grande porte, com arquitetura requintada. O Grand Hyatt tem uma equipe especializada para elaborar tudo sob medida.

*A jornalista viajou a convite do Grand Hyatt Bogotá e teve uma experiência de 3 dias na cidade. 

*Importante: a Colômbia exige o Certificado Internacional de Vacinação contra a Febre Amarela. Não é possível adentrar ao país sem estar com a vacina em dia. É necessário tomar com 10 dias de antecedência.

Posts relacionados