Uma das mais impressionantes cidades históricas do mundo, Roma também é uma das mais gastronômicas. De restaurantes clássicos a modernos são muitas opções, sendo que várias bem turísticas. A nossa editora-chefe Daniela Filomeno indica os seus lugares preferidos em Roma, para curtir uma das mais visitadas cidades italianas celebrando à boa mesa. Ah, vale sempre observar em qual região está o restaurante que deseja ir e se planejar com antecedência para não ter que cruzar a cidade

Salumeria

Um dos meus preferidos na cidade é a Salumeria Roscioli, nos moldes de um bar romano. Como o próprio nome diz, tem produção própria de embutidos, onde come-se entre garrafas, prosciuttos e salames pendurados pela casa. Escolha uma boa seleção e comece pela tábua de frios, com uma boa taça de vinho. Siga para o tradicional Carbonara ou Amatriciana, muito bem executados. Aproveite a extensa carta de vinho com ótimo custo-benefício. Tem a melhor seleção de embutidos que encontramos em Roma. Também é muito famoso pela burrata (são oito combinações), a pasta carbonara e a matriciana, é difícil experimentar tudo em uma visita só. Você vai querer voltar!

Salumeria (Foto: Daniela Filomeno)

Via dei Giubbonari, 21/22

Tradição romana

Dos tradicionais, três endereços são imperdíveis: o escondido Nino fica em uma ruela ao lado Piazza di Spagna. Massas, ossobuco e como eles mesmo dizem quando pergunta o que é imperdível no menu: “tutto!”. O capeletti in brodo no primeiro dia de viagem recupera qualquer jet lag, recomendo! Cantina tradicional, tem em suas paredes lambris de madeira escuras e lustres de ferro desde a época de sua fundação em 1934.

Alcachofras Frescas do Al Moro (Foto: Daniela Filomeno)

Já no Al Moro, torça para ter alcachofras frescas, pois são imperdíveis. A que vem no alho e óleo é dos deuses. Sua simplicidade se equipara ao seu sabor. Roma tem uma unidade da cantina milanesa de 1800, Antica Pesa, que mantém a tradição em suas pastas e pratos que fazem sucesso, como o risoto milanês.

Nino – Via Borgognona, 11
Al Moro – Vicolo delle Bollette, 13 (perto do Templo de Adriano)
Antica Pesa  –  Via Garibaldi 18

Leia Mais: Roma além do Vaticano e Coliseu

As três melhores praias da Sardenha, na Itália

Onde comer em Florença, na Itália

O restaurante Armando al Pantheon traz a culinária romana desde 1960. Como o próprio nome diz, fica colado ao Pantheon, praticamente um anexo tocado hoje pelo filho do Armando, Claudio. Reservas são mandatórias, já que é minúsculo. O ambiente interno de um verde intenso com muita madeira do Piperno contrasta as agradáveis mesinhas ao ar livre. Sua alcachofra (frita) a la judia é quase uma instituição romana, que não pode deixar de provar. Se quiser uma imersão nas frituras, a flor de abóbora também é deliciosa. O tradicionalíssimo Ristorante Tullio que, desde 1950, é frequentado por celebridades (é divertido ver no site as fotos de algumas bem novinhas, como Tom Hanks). Das pastas, peixes frescos a cortes de carnes, vale para quem ama casas históricas. Fica perto do Palazzo Barberini.

Armando al Pantheon – Salita dei Crescenzi, 31 – reserva
Piperno – Via Monte dè Cenci, 9
Tullio – Via San Nicola da Tolentino, 26

Na sequência de joias da culinária local, o Da Felice a Testaccio é daqueles imperdíveis. A casa de 1936 tem salão com tijolinhos aparente e filial em Milão. O caccio e pepe deles é misturado na sua frente e fica bem cremoso.

Via Mastrogiorgio 29

Appetitivo

Um fim de tarde em Roma e um drinque no bar do Hotel De Russie (reserva é mandatório) te levará a um filme com atores de Hollywood circulando ou uma fashionista famosa, no mais bem frequentado local da cidade.

Via del Babuino, 9

Bolonhesa no Bolognese

Turístico, nem por isso deixa de ser delicioso, o Dal Bolognese se mantém na lista dos deliciosos romanos na Piazza del Popolo. Ao sentar, verá que a pasta que dá o nome à casa é unanimidade entres as pedidas, mas a cotoletta à milanesa e a salada caprese também são ótimas opções.

Piazza del Popolo, 1

La vero pizza napoletana

Seja pela proximidade de Roma de Nápoles ou pelo simples fato de estar na Itália: você vai querer comer uma bella pizza. Então, siga a Rosso Pomodoro (que tem duas unidades no Brasil) e prove as redondas típicas napolitanas, como a marguerita.

Largo di Torre Argentina 1 ou Piazza Montegrappa 1

Leia mais:  Os passeios imperdíveis da Costa Amalfitana

Porque você vai querer conhecer a Puglia, na Itália

O luxuoso Borgo Egnazia na Puglia, Itália

Dolce

São vários endereços em Roma para um bom café e degustar um doce. Com 13 variedades de chocolate suíço e uma receita guardada a sete chaves pela família Ciampini, esta é a fórmula que o Tre Scalini, na Piazza Navona, confere ao sucesso do melhor tartufo de Roma. O tartufo gelatto é uma sobremesa a base de sorvete de chocolate, original de 1946. De quebra ainda senta em uma de suas mesas na varanda, pede um bom expresso para acompanhar e fica observando o movimento da Piazza Navona, onde fica a embaixada brasileira.

Piazza Navona, 28

Uma fila de freiras me chamou a atenção quando subia a rua das  muralhas do Vaticano, sentido entrada do Museu. Ela terminava em uma portinha, que abrigava a Old Bridge Gelateria artigianale italiana com deliciosos sorvetes artesanais. Desde então virou parada obrigatória quando estou na cidade.

Viale dei Bastioni di Michelangelo 5 (matriz histórica) e outros endereços

Com várias unidades espalhadas por Roma, além de oferecer um dos sorvetes mais premiados da cidade, a Don Nino Roma tem um cannoli siciliano incrível. Dentro da massa mega crocante tem uma camada de chocolate, o recheio vem geladinho e você pode escolher o que colocar na borda (pistache, chocolate ou castanhas). Eles também estão presentes em Florença. E tenho anotada uma dica do blog Do Pão ao Caviar, para comer o tiramissù do Roma Pompi, que muitos dizem ser o melhor da cidade.

Roma Pompi – Via Albalonga, 7

Don Nino – vário endereços entre eles na Piazza Fontana di Trevi, 83 e Piazza  di Spagna, 65

Os passeios imperdíveis da Costa Amalfitana

Porque você vai querer conhecer a Puglia, na Itália

O luxuoso Borgo Egnazia na Puglia, Itália

Cool e moderno

A modernidade também chegou a Roma, casas cool como Ginger Sapori e Salute, o francês Madelaine e Madre ascendem entre a juventude local para quem quer dar um tempo na tradição e quer experimentar o que tem de novo na culinária romana.

Ginger Sapori e Salute – Via Borgognona, 43-46
Madeleine –  Via Monte Santo, 64
Madre – Largo Angelicum, 1/a

Mercato gastronômico

Na maior estação de trem de Roma, a Termini, o Mercato Centrale Roma tem com ótimas opções de gastronomia. Programa obrigatório para os foodies, não deixe de provar a pasta al tartufo.

Via giolitti, 36

Booking.com

Posts relacionados